Seja bem vindo ao Universo da Aposta

Home » Estratégias de aposta » Odds no futebol: o básico para você não se perder

Estratégias de aposta

Odds no futebol: o básico para você não se perder

Existem diferentes tipos de apostadores, com estratégias diversas. Mas, com certeza, dominar os fundamentos daquilo que se faz é um diferencial que não pode ser menosprezado. 

Quando entendemos o conceito de odd e sua funcionalidade nas apostas esportivas, passamos a caminhar ao lado das probabilidades. Com ela, pode ter certeza que a chance de se dar bem é substancialmente maior.

A resistência a entender um pouco dos números, muitas vezes, pode ser o motivo que esteja travando os seus ganhos com as apostas. Pensando nisso, preparamos um artigo com algumas definições básicas que vão te ajudar a entender como funcionam as odds no futebol e em outros esportes.

Vem com a gente! 

O que são as odds? 

As odds também são conhecidas no contexto das apostas esportivas como cotações. 

Trata-se, de forma objetiva, da probabilidade de um determinado fato ocorrer dentro de um evento (seja ele uma partida de futebol, que será o foco no nosso artigo, de vôlei, basquete e etc.). 

O cálculo das odds é realizado a partir da análise feita pelas casas de apostas, apontando a perspectiva para aquele duelo. As odds são os números que sempre acompanham as apostas. 

Cada casa de apostas tem uma equipe responsável por atribuir os valores dos odds – e essa definição é baseada em cálculos e diversos estudos, que colhem as informações das equipes, dados do jogo, o retrospecto do confronto e etc. 

Vale a pena dar um exemplo ilustrativo para mostrar como funcionam as odds em uma partida de futebol.

Exemplo: Brasil e Argentina

Vamos supor que Brasil e Argentina disputarão a próxima final de Copa do Mundo. Hipoteticamente, suponhamos que a seleção canarinha vive uma melhor fase e chegou embalada para a decisão. 

Já a Argentina, chegou à final aos trancos e barrancos e perdeu o seu principal jogador para a decisão, Lionel Messi. Imaginou? Pois bem. Após realizar sua minuciosa análise, a casa de apostas determinou os seguintes valores de odd:

  • Brasil: 1.44
  • Empate: 6.00 
  • Argentina: 6.50 

Agora vamos interpretar dois cenários. 

Primeiro cenário: você aposta no Brasil e o hexa finalmente veio. Isso significa que a cada 1 real apostado, você lucra 1.44 (1 real da aposta + 44 centavos de lucro). Para fazer o cálculo de porcentagem da vitória, basta dividir o valor da aposta pela odd e depois multiplicar por 100. Fica assim:

1/1.44 = 0,6944×100 = 69,44% de possibilidades de o Brasil vencer.

Segundo cenário: você aposta na Argentina e os Hermanos vencem. O cálculo é o mesmo, assim você lucra 6.50 para cada 1 real apostado. Se quiser saber a probabilidade, o cálculo fica assim:

1/6.50 = 0,1538×100 = 15,38% de possibilidade de a Argentina vencer.

Fazendo os mesmos cálculos, descobrimos que existe 16,66% de chance do confronto terminar empatado.  

Entendeu? 

Quanto maior a odd, menor a possibilidade do evento ocorrer. Por isso, quando se aposta em resultados improváveis e eles se confirmam, os lucros são mais avultosos. 

Mas calma… Por que a conta não fecha?

Se você observou com atenção o cálculo acima, vai perceber que a conta ultrapassou um pouco os 100%: 

69,44 + 15,38 + 16,66 = 101,48

E pra ser honesto, na maior parte das vezes, essa “sobra” tende a ser maior (em média entre 3% e 6%). Essa “sobra” também é chamada de juice e indica a comissão que a casa de apostas vai receber. É uma fatia que as casas de apostas tiram para garantir o seu lucro, independente do resultado do evento. 

Isso acontece em todas as apostas e é o que garante o saldo positivo para as casas. 

Tipos de odds

Para finalizar nossa análise com chave de ouro, vale a pena apontar que existem três diferentes tipos de odds que podem aparecer ao longo de suas apostas. Muitas vezes, a casa de apostas oferece a possibilidade de escolher a configuração desejada. Basicamente, o que muda é a forma de cálculo e a apresentação. 

Odds decimais (1.29)

Esse é o formato mais utilizado no Brasil. Normalmente, é a opção “padrão” em boa parte das casas de apostas. Como mostramos no exemplo acima, o cálculo dessa odd pode ser feito pela seguinte fórmula: 

Valor da Aposta / Odd x 100

Odds fracionais (2/9)

É um formato comum principalmente na Europa. Nesse caso, é importante notar que o valor da esquerda representa o retorno para o valor apostado na direita. Ou seja: na odd de 2/9, o retorno possível é de R$2,00 para cada R$9,00 investido. O cálculo é o seguinte:

  1. Some os dois números: 2+9=11.
  2. Divida o resultado pelo número da direita: 11/9=1,22 (esse é o valor da odd decimal).
  3. Faça o cálculo: Valor da Aposta / Odd x 100.  

Odds americanos (-45)

Como o nome sugere, esse formato é utilizado nos EUA, sobretudo. Raramente aparece no Brasil. Em primeiro lugar é necessário observar se o valor está negativo ou positivo. No caso acima, quer dizer que você precisa apostar 45 reais para ganhar 10 reais.

No caso de a odd ser positiva, se inverte: você precisa apostar 10 reais para ganhar 45. O cálculo para chegar à probabilidade é o seguinte:

1. Odd negativo: Odds / (100 + Odds)

2. Odd positivo: Odds + 100 / 100

Conclusão

Destrinchamos o conceito de odd para você. Nossa expectativa é que você consiga se informar cada vez mais para poder apostar com maior qualidade e perspectiva de lucro. Para tanto, é muito importante entender como funcionam as odds, ou cotações.

Nós, do Universo da Aposta, esperamos que você tenha gostado do artigo de hoje. Fique por dentro do nosso blog. Regularmente, postamos textos sobre o mercado de apostas esportivas por lá e destrinchamos assuntos importantes que dizem respeito ao mundo dos esportes e dos e-games. 

Para qualquer dúvida ou sugestão, entre em contato com a gente que ficaremos felizes em te ajudar!

COMPARTILHE